terça-feira, 9 de maio de 2017

CALÇADOR

(Manuel António Ramos Calçador,10/12/1943,Elvas)
Extremo-esquerdo
60/61-O Elvas----------jun.
61/62-O Elvas----------jun.
62/63-O Elvas----------Dist.
63/64-Sintrense--------III
64/65-Sporting Malange-I(Ang.)
65/66-inactivo
66/67-O Elvas----------Dist.
67/68-O Elvas----------Dist.
68/69-O Elvas----------Dist.
69/70-O Elvas----------Dist.
70/71-O Elvas----------Dist.
71/72-O Elvas----------III
72/73-O Elvas----------III
73/74-O Elvas----------III
74/75-Atl.Reguengos----III
75/76-O Elvas----------III
76/77-O Elvas----------III
77/78-O Elvas----------III
78/79-Os Elvenses------Dist.












































Calçador começou nos júniores do Elvas
C.A.D.,passando para a equipa sénior
ainda muito jovem,tendo como treinador
a antiga glória elvense Manuel Massano.
Extremo-esquerdo rápido e aguerrido,
Calçador representou o Sintrense e o
Sporting de Malange,quando foi chamado
a cumprir o serviço militar obrigatório.
De volta ao Elvas,Calçador foi um dos
elementos mais influentes da histórica
equipa que se sagrou Campeã Distrital
em 1970/71,possibilitando assim o regresso 
do histórico clube aos Campeonatos 
Nacionais após alguns anos competindo
no Regional de Portalegre.
Manuel Calçador,que em Elvas era também
conhecido por "Canhoto",por ser um
esquerdino nato,continuou jogando pelo
"seu" Elvas na 3ªDivisão,com uma época
de intervalo,1974/75,quando foi chamado
a representar o Atlético de Reguengos.
No fim da sua carreira,Calçador ainda foi
mais uma vez Campeão Distrital,desta vez
nos Elvenses,em 1978/79,tendo ai terminado
a sua carreira de jogador mas ficando
como treinador mais algumas temporadas
e continuando ativo,jogando na equipa
de Veteranos,até perto dos 60 anos.
 




Calçador,em baixo,á direita,no Elvas nos anos 60

Calçador,em baixo,á esquerda,no Elvas nos anos 70


Calçador,o 4º em baixo,da esquerda,no Elvas  

segunda-feira, 8 de maio de 2017

TITA SANINA

(António Joaquim Caeiro Sanina,16/12/1929,Évora)
Extremo-direito / Defesa
46/47-Pax Júlia Beja---juv.
47/48-Desportivo Beja--jun.
48/49-Desportivo Beja--jun.
49/50-Desportivo Beja--II
50/51-Luso Barreiro----III
51/52-Desportivo Beja--II
52/53-Desportivo Beja--II
53/54-Desportivo Beja--II
54/55-Desportivo Beja--II
55/56-Desportivo Beja--II
56/57-Desportivo Beja--II
57/58-Desportivo Beja--II
58/59-Desportivo Beja--II
59/60-Desportivo Beja--II






































Tita Sanina começou por jogar no
Pax Júlia,popular clube de Beja,
que em finais dos anos 40 se fundiu
com o Luso de Beja e deu lugar ao
atual Desportivo de Beja.
Sanina começou como extremo-direito
mas com o treinador espanhol
Camiruaga fixou-se a defesa-direito,
sendo nessa posição que mais jogou
na sua carreira,sempre no Desportivo,
com a exceção da época no Luso do
Barreiro quando cumpria o serviço
militar obrigatório.
Tita Sanina,depois de terminar o
seu percurso de jogador começou a
exercer a função de Massagista,
trabalho que exerceu muito tempo
também ao serviço do "seu" Desportivo.







Tita Sanina,o 4º da esquerda,ainda juvenil no Pax 
Júlia de Beja
Tita Sanina,o 2º em cima,no Desportivo de Beja
em 1957/58

Tita Sanina,em cima á esquerda,no Desportivo de Beja

sábado, 15 de abril de 2017

QUIM

(Joaquim Manuel Gonçalves Guerreiro,8/10/1946,Quarteira)
Defesa-central
67/68-Louletano-------Dist.
68/69-Louletano-------Dist.
69/70-Louletano-------Dist.
70/71-Louletano-------Dist.
71/72-Quarteirense----Dist.
72/73-Quarteirense----Dist.
73/74-Quarteirense----Dist.
74/75-Quarteirense----Dist.*
75/76-Quarteirense----III*
76/77-Quarteirense----III*
77/78-Quarteirense----III*
78/79-Campinense------Dist.*
79/80-Campinense------III*
80/81-Quarteirense----Dist.*
81/82-Quarteirense----Dist.*
82/83-Quarteira S.C.--Dist.*
83/84-Quarteira S.C.--Dist.*
84/85-Quarteirense----III*

*jogador/treinador











































Um dos grandes nomes e impulsionadores
do futebol em Quarteira,Quim tem um dos
mais ricos percursos no futebol algarvio
dos últimos 50 anos.
Quim,que também é conhecido por Quim
Paulo,ou mesmo Quim-Quim,foi Campeão
Distrital por 4 vezes,sendo 3 delas como
Jogador/Treinador e uma somente como 
Treinador.
Quim começou a jogar muito jovem mas em
equipas de futebol popular,visto que
em Quarteira nos anos 60 não havia futebol
federado.
Antes dos 20 anos já tinha jogado no "União",
nos "Marítimos" e no "Beira-Mar",todos clubes
de torneios populares de Quarteira de meados
dos anos 60.
Aos 21 anos,Quim tem a sua primeira
experiência no futebol federado no único
clube do Concelho inscrito no Distrital,o
Louletano.
Em 1971,após 4 épocas em Loulé,Quim está
no grupo de quarteirenses que promove o
futebol federado no clube local,o C.D.R.
Quarteirense,que assim começa a competir
no Campeonato Distrital do Algarve a partir
da época de 1971/72.
Juntamente com seu irmão,José João,Quim é
um dos principais dinamizadores e jogadores
da equipa,assumindo as funções de Jogador/
Treinador na histórica época de 1974/75,
quando o Quarteirense se sagrou pela primeira
vez Campeão Distrital,qualificando-se para
jogar a 3ª Divisão Nacional na época seguinte.
Em 1978/79,Quim é transferido para o Campinense,
onde,novamente com o seu irmão José João,
conquista outro título de Campeão Distrital,
com a consequente primeira promoção do popular 
clube de Loulé á 3ª Divisão.
Em 1981/82,nova conquista do Distrital com o
Quarteirense,novamente na condição de Jogador/
Treinador.
Entre 1982 e 1984,Quim Paulo está na iniciativa
de promover o futebol federado no novo clube
de Quarteira,o Quarteira Sport Clube,que fez
as suas primeiras participações no Distrital
em 1982/83 e 1983/84.
Em 1984/85,Quim volta ao Quarteirense,de novo
na dupla função de jogador e técnico mas esta
será a sua ultima época como jogador.
Como Treinador,Quim Paulo volta a trabalhar no
"seu" Quarteirense e também no Almancilense,onde
teve uma rápida passagem na época de 1992/93.
Em 1998/99,Quim Paulo volta a tomar conta do
Quarteirense para levar o clube a mais um título
Distrital,continuando ao serviço dos "Lobos do Mar"
mais 3 temporadas na 3ª Divisão,tendo depois
deixado o futebol por motivos profissionais.





 
Quim,o 4º em cima,da direita,no Quarteirense em 73/74
















  
Quim,o 2º em cima,da direita,capitão no Quarteirense em
1974/75 com a faixa de Campeão Distrital







Quim titular na defesa do Quarteirense na primeira
participação do clube na Taça de Portugal em 1975/76













Quim,o 3º em cima,da direita,jogador/treinador do
Campinense,Campeão Distrital em 1978/79




























Carreira de Treinador:

87/88-Quarteirense--III
88/89-Quarteirense--III (ultimas 8 jornadas)
-----------------------
92/93-Almancilense--III (de Novembro a Janeiro)
-----------------------
98/99-Quarteirense--Dist.
99/00-Quarteirense--III
00/01-Quarteirense--III
01/02-Quarteirense--III  



 
Quim Paulo,o 6º em cima,da esquerda,Treinador do
Quarteirense em 1987/88


Notícia da saida de Quim do Almancilense em Janeiro
de 1992/93
Quim Paulo,o 5º da esquerda,na fila do meio,Treinador
do Quarteirense em 1998/99,Campeão Distrital

Quim Paulo,Treinador do Quarteirense em 1999/00.
Recorte do jornal "A Bola" 

Quim Paulo,o 4º da esquerda,na fila do meio,Treinador 
no Quarteirense em 1999/00,ao lado de seu irmão 
José João,Presidente do clube.

sexta-feira, 14 de abril de 2017

VALDEMAR

(Valdemar José Cravo dos Santos,29/4/1951,Faro)
Médio
68/69-Faro Benfica---jun.
69/70-Faro Benfica---jun.
70/71-Faro Benfica---Dist.
71/72-Faro Benfica---III
72/73-inactivo
73/74-inactivo
74/75-Sambrazense----III
75/76-Silves---------Dist
76/77-Olhanense------II
77/78-Louletano------Dist.
78/79-Louletano------Dist.
79/80-Louletano------Dist.
80/81-inactivo
81/82-Sambrazense----Dist.
82/83-Sambrazense----Dist.
83/84-Sambrazense----Dist.
84/85-Almancilense---Dist.
85/86-inactivo
86/87-inactivo
87/88-Atalaia--------Dist.












































Natural de Faro,Valdemar iniciou-se
no futebol no Sport Faro e Benfica e
chegou a se sagrar Campeão Distrital
com os "encarnados" de Faro em 1970/71
na companhia de outros "históricos" do
clube farense,como Dias ou Chaby.
Após cumprir o Serviço Militar,Valdemar
volta a jogar no Sambrazense 1974/75,para 
depois se transferir para o Silves,onde
faz uma boa temporada,valendo-lhe uma
chamada para jogar no Olhanense,então na
2ª Divisão.
Após a estadia em Olhão,Valdemar representa
o Louletano por 3 temporadas,voltando
depois ao Sambrazense,já nos anos 80.
Joga ainda no Almancilense e,mais tarde,
depois de algum tempo sem jogar federado,
representa ainda o Atalaia na 2ª Divisão
Distrital. 





Valdemar,em baixo,á esquerda,no Sport Faro e Benfica





Valdemar,o 3º em cima,da esquerda,no Silves

quarta-feira, 22 de março de 2017

QUIM

(Joaquim Carlos da Conceição Vieira,28/5/1960,Lagoa)
Guarda-redes
76/77-G-D-Lagoa---------jun.
77/78-G.D.Lagoa---------jun.
78/79-G.D.Lagoa---------Dist.
79/80-G.D.Lagoa---------Dist.
80/81-Alvorense---------III
81/82-G.D.Lagoa---------Dist.
82/83-G.D.Lagoa---------Dist.
83/84-G.D.Lagos---------Dist.
84/85-G.D.Lagoa---------Dist.
85/86-G.D.Lagoa---------Dist.
86/87-G.D.Lagoa---------Dist.
87/88-G.D.Lagoa---------Dist.
88/89-G.D.Lagoa---------Dist.
89/90-G.D.Lagoa---------Dist.
90/91-G.D.Lagoa---------III
91/92-Estombarenses-----Dist.
92/93-G.D.Lagoa---------III
93/94-Estombarenses-----Dist.










































Guarda-redes com uma longa história no
Grupo Desportivo de Lagoa,Quim esteve
ligado ao clube lagoense durante mais
de duas décadas,representado também o
Alvorense e Estombarenses,estes já no
final de carreira.
No Lagoa,Quim foi Campeão Distrital da
1ª e da 2ª Divisão,fazendo parte também 
das primeiras equipas que disputaram a
3ª Divisão.
Em 1983/84 a Associação de Futebol do
Algarve,devido ao elevado número de
clubes inscritos,resolve reintroduzir o
Campeonato Distrital da 2ª Divisão,
prova que já não se realizava desde os
anos 50.Nesse primeira edição,o Campeão
foi o G.D.Lagoa,com Quim  nas suas balizas.
Em 1989/90,os lagoenses conquistam o seu 
primeiro Distrital da 1ª Divisão,com a
consequente primeira participação nos
campeonatos Nacionais,e Quim esteve também
nessas equipas históricas.
Após terminar a carreira de jogador,Quim 
Vieira fica ligado ao Lagoa,trabalhando
como treinador-adjunto,treinador de Guarda-
redes e assumindo o comando da equipa como
treinador principal em algumas ocasiões.






Quim,titular no Lagoa em 1984/85

Quim,á direita,titular e capitão do Lagoa em 1985/86










Quim,o 6º em cima,da esquerda,Treinador-Adjunto de
Carlos Barradas (ao lado),no Lagoa em 1998/99










Quim Vieira,em 2000/2001,regressa ao Lagoa como
técnico principal.

terça-feira, 21 de março de 2017

FLÁVIO

(Flávio de Jesus Figueiras,3/12/1965,Aljezur)
Médio / Defesa
82/83-Centro Lagos -------jun.
83/84-J.Aljezurense-------Dist.
84/85-J.Aljezurense-------Dist.
85/86-J.Aljezurense-------Dist.
86/87-J.Aljezurense-------Dist.
87/88-J.Aljezurense-------Dist.
88/89-J.Aljezurense-------Dist.
89/90-J.Aljezurense-------Dist.
90/91-E.Bensafrim---------Dist.
91/92-Boavista Pinheiros--Dist.
92/93-Boavista Pinheiros--Dist.




































Flávio,antes de ser Dirigente na Associação
de Futebol do Algarve,foi jogador no
clube da sua terra natal,o Juventude Clube
Aljezurense,tendo feito parte da primeira
equipa do J.C.A. que disputou o Campeonato
Distrital (2ªDivisão-Zona Barlavento) em
1983/84.
No início dos anos 80,o Aljezurense,embora 
fundado nos anos 60,não inscrevia equipas
nos Campeonatos Distritais,por isso Flávio
fez a sua iniciação no,já desaparecido,
Centro de Lagos,pequeno clube lacobrigense
que apostava na formação de jovens jogadores.
No Aljezurense,Flávio jogou 7 temporadas,
representado ainda o Estrela de Bensafrim
e o Juventude Clube Boavista dos Pinheiros,
pequena coletividade alentejana do concelho
de Odemira. 
Após terminar a carreira de jogador,Flávio
ainda ficou ligado ao Aljezurense como 
dirigente e dinamizador.
A partir de 2002,Flávio Figueiras é convidado 
a assumir cargos na Associação de Futebol do 
Algarve,sendo neste momento o Secretário da
Assembleia Geral do órgão que gere o futebol
algarvio.





Flávio,o 3º em cima,da esquerda,no Aljezurense no
início dos anos 80
Flávio Figueiras,á direita,dinamizador do futebol feminino
do Juventude Aljezurense nos anos 90
Flávio,á direita,como Dirigente do Juventude Aljezurense
em 1996/97

Flávio Figueiras,á esquerda,representando a A.F.A. na
homenagem a Edmundo (Esperança de Lagos)




Flávio Figueiras,o 3º da esquerda,nos Órgãos Sociais 
da Associação de Futebol do Algarve em 2008